#16 – A infância e o YouTube

      Nenhum comentário em #16 – A infância e o YouTube

Vivemos atualmente em uma cultura participativa, na qual indivíduos se tornaram consumidores e produtores de conteúdo. A modificação dos meios de comunicação, assim como as transformações das concepções da infância ao longo do tempo trouxeram novos paradigmas para os costumes da infância. Como consequências, crianças estão cada vez mais ativas na rede e se tornam também influenciadoras.

Diante desse contexto, o presente episódio pretende debater o texto “YouTube, infância e subjetividades: o caso Julia Silva”, de autoria da pesquisadora brasileira Renata Oliveira Tomaz. O episódio, assim, tenta entender o fenômeno dos Youtubers mirins.

#16 – A infância e o YouTube

 
 
00:00 / 31:18
 
1X
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *